Localizado na Zona Leste de São Paulo, o Cemitério Vila Formosa foi fundado em 1949, e embora leve o nome de Vila Formosa, está não somente na área do bairro que leva o mesmo nome, mas também no distrito do Carrão.

Possui aproximadamente 763 mil metros quadrados de extensão, sendo a 4º maior área de verde da cidade de São Paulo, perdendo somente para os parques Ibirapuera, Anhanguera e parque do Carmo.

Estima-se que desde sua construção foram realizados mais de 1,5 milhão de sepultamentos, sendo utilizado em sua maioria por pessoas da camada mais humilde da população. Estima-se que atualmente são realizados em média 40 sepultamentos diariamente.

É o maior cemitério da América Latina e a segunda maior necrópole de todo o mundo, ficando atrás somente do cemitério localizado na cidade de Najaf (Iraque), chamado de Wadi-Al-Salaam, que tem como tradução “Vale da Paz” e está situado numa área de 917 hectares com mais de 5 milhões de sepultamentos realizados.

Velório

O Velório Cemitério Vila Formosa foi construído com o intuito de facilitar a realização do velório para as famílias e amigos dos que partiram.

Sendo então realizado de forma mais honrosa e digna, visto que antigamente eram realizados nas próprias residências.

O local possui uma ótima estrutura, passou recentemente por reformas para aprimorar suas salas. Atualmente conta com 24 salas para a realização do velório, sendo amplas e de ótima iluminação.

Além disso, o Velório Cemitério Vila Formosa, possui em sua estrutura:

  • Amplo estacionamento gratuito
  • Banheiros
  • Capela 
  • Carros elétricos para transporte do corpo e familiares no momento de realizar o sepultamento.

Funciona 24h por diariamente, e tem como tempo limite para a realização do velório uma duração de 24h após o momento do falecimento, mas podendo ser estendido de acordo com o serviço funerário e seus critérios.

  • Importância do Velório

Tem sua importância em torno dos aspectos religiosos, além de ser um dos momentos que os familiares e amigos podem realizar suas despedidas em memória do falecido.

História

O Cemitério Vila Formosa é considerado a maior necrópole da América Latina devido a união de dois locais, os cemitérios Vila Formosa I e II, sendo o primeiro inaugurado em 1949 contando com 80 mil sepulturas e 40 mil ossários, já o segundo inaugurado em 1976 possui 30 mil sepulturas e 55 mil ossários.

  • Desaparecidos Políticos 

Acredita-se que durante o período do regime militar ocorrido em todo o Brasil, algumas vítimas da ditadura tiveram seus corpos sepultados em valas comuns no local. O local teria sido utilizado para esses sepultamentos até o ano de 1971, quando foi inaugurado o Cemitério Dom Bosco (Perus) e assim passaram utilizar a nova necrópole para cometerem esses atos.

Todos os anos, os familiares que acreditam ter entes queridos sepultados no local devido a ditadura militar, vão ao cemitério no dia dos finados para prestar suas homenagens e esperar que um dia se tenha conhecimento da verdade sobre o acontecimento.

  • Santa Popular do Cemitério

Num período de violência na região nos anos 80, Débora Campos de Oliveira, de apenas 5 anos de idade foi brutalmente assassinada por sua vizinha. Em Janeiro de 1983 ela foi sepultada no Cemitério da Vila Formosa e em pouco tempo sua quadra passou a ser um ponto de visitação no local.

Por vários anos seguidos, seu túmulo foi cercado por pessoas realizando visitas principalmente aos fins de semana, com o intuito de que os pedidos feitos por parte de quem visitava seu túmulo seriam atendidos, e com isso a administração do local decidiu isolar a quadra onde está localizada a sepultura e se tornou uma das áreas mais famosas do cemitério.

Quem passa pelo local, pode observar o mesmo sempre repleto de velas, brinquedos e doces que são deixados pelos grupos que ali visitam para fazerem orações e pedidos.

Curiosidades 

  • Projeto para a construção de um Parque

Atualmente existe um projeto para utilizar uma área de 95 mil metros quadrados para a construção de um Parque Ecológico no local. Como está situado em uma das maiores áreas verdes de São Paulo e sendo o ponto mais verde da região onde está, o local iria servir como uma área de lazer para a população dos bairros próximos.

O Projeto tomou corpo devido a constatação de que nesta área do cemitério não é possível realizar sepultamentos por conta de um lençol freático existente no local.

  • Projeto para a construção de um Piscinão

O local onde abrigava o antigo velório do cemitério, agora dará lugar a construção de um piscinão que irá receber as águas vindas do Rio Aricanduva, terá capacidade para 20.000 m³ e irá atender a necessidade da população local.

Localização

Av. Salim Farah Maluf, 3303 – Água Rasa

O cemitério está localizado perto de vias importantes da cidade, como:

  • Avenida Luiz Inacio de Anhaia Mello
  • Avenida do Estado
  • Avenida do Oratório

Podendo também utilizar itinerários de ônibus que saem de regiões como:

  • Tatuapé
  • Belém 

Horário de Funcionamento

  • Cemitério: 7:00h às 18:00h – Todos os Dias
  • Velório: 24 horas

Contatos

  • Administração: (11) 2783-1047 / (11) 2781-3755
  • Velório: (11) 2717-0154